Olhando os transistores (de perto)

Olá humano!

Continuando a sequencia do post anterior, vou colocar aqui algumas fotos que tirei da minha wafer.

Resistor

Colocarei algumas em formato ‘galeria’ para que seja possível avançar ou retroceder entre as fotos, pois não consegui criar uma ‘galeria’ de fotos com imagens hospedadas em outro servidor (ou serviço):

IMG_0075

IMG_0080

IMG_0082

IMG_0091

IMG_0105

IMG_0115

IMG_0125

IMG_0129

 

Na imagem abaixo, podemos ver bem a complexidade de um ponto ‘central’ do circuito. Podemos facilmente perceber que existe ao menos 2 ‘layers’, se não existirem mais. Os pequenos pontos ‘pretos’ são como vias (pequenos furos que transportam o sinal, ou corrente elétrica, de uma camada para outra):

IMG_0140

Os pequenos pontos pretos que me referi, são os que aparecem no final (ou inicio, 🙂 ) das linhas horizontais, conectando-as as linhas verticais, que parecem estar mais abaixo.

Na próxima imagem, com ainda mais zoom, podemos verificar uma pequena falha na fabricação. Próximo aos valores escritos, existe uma mancha de mesma coloração (e portanto talvez, de mesmo material) que alguns pontos do circuito. Esta mancha não aparece em outras peças na mesma wafer, pelo menos não no mesmo local.

IMG_0135

Nas próximas duas imagens também aparecem algumas manchas, porem de aparência mais severa.

IMG_0198

Nesta imagem, a mancha parece ter acontecido durante o processo de fabricação. Podemos ver que o pad (quadrado, ou terminal de solda) parece ter sido afetado em sua geometria inclusive.

IMG_0188

Já nesta imagem a mancha preta parece ter acontecido depois da fabricação (lembrando que mantenho esta wafer guardada em minha casa a 4 anos (sem os cuidados que a mesma teria na empresa que a fabricou), e que antes disso passou algum tempo com a pessoa que me vendeu e também viajou da Grécia até aqui…

Abaixo podemos verificar, primeiramente em uma visualização maior, e depois com um maior zoom, uma área bastante interessante:

IMG_0168

IMG_0170

Neste detalhe, podemos verificar o que acredito ser um (na realidade, dois ou mais) resistores. Geralmente os resistores tem essa aparência de ‘zigue-zague’. Aqui também podemos perceber a existência de varias camadas, uma vez que o foco do microscópio estando no resistor, fica borrado nos demais itens na proximidade.

Aqui temos o detalhe de um ponto de conexão (solda) com o fio que levará o sinal, ou corrente elétrica, até o terminal externo do dispositivo.

IMG_0148

 

Sobre a procedência destes circuitos, temos a informação nesta imagem:

IMG_0160

Esta wafer deve ter sido fabricada em 1992, ou projetada neste ano. E projetada e/ou produzida pela California Micro Devices (ou CMD) como mostrado no próprio circuito.

Para aqueles que se interessarem mais, podem conferir as fotografias que tirei na minha conta do Flickr, no seguinte endereço: Link

Durante a sessão de fotos, fiz também três vídeos, que podem ser vistos no youtube, nestes links: Video1, Video2 e Video3

Estes vídeos são material bruto (conhecido como footage). Assim que puder, irei editar este material para tentar deixá-lo didático.

Bom por hoje é só. Quem ficar curioso sobre alguma coisa, ou algum detalhe que não expliquei, fique a vontade para deixar uma pergunta aqui nos comentários.

2 comentários sobre “Olhando os transistores (de perto)

  1. Ana setembro 17, 2014 at 8:06 pm

    Muito interessante! Nunca pensei que algo tão pequeno pudesse carregar tantas informações. Parabéns pelo trabalho!

    • Mario setembro 21, 2014 at 8:15 pm

      Muito obrigado! Agradeço de coração o apoio!
      Pois é, bastante pequenos os detalhes, e pensar que foi fabricado em 1992 este em questão. Imagina hoje o que não são capazes de produzir…

Deixe uma resposta