Salão de beleza I – Frequencimetro 53132A

Olá humano!

Comecei a algum tempo atras, a dar uma ‘geral’ nos meus equipamentos adquiridos nos ultimos anos. Alguns deles vieram em otimas condições, alguns até com os ‘plasticos originais nos displays’, outros com muita poeira, e alguns um pouco mais ‘acabadinhos’. Muitos equipamentos de teste e medição são provenientes de linhas de produção, testes ou bancadas de grandes empresas, que sempre colocam etiquetas adesivas de patrimonio, ou mesmo os adesivos de calibração e em muitos casos, quando os compro, eles já vêm com estas etiquetas removidas, mas normalmente a cola das mesmas sempre ficam muito bem aderidas no corpo do equipamento. Este tipo de interferencia estetica não interfere em nada no funcionamento dos mesmos, mas em alguns casos meu TOC fica martelando em minha cabeça para que eu tente arrumar ou ao menos melhorar estas questões. E é isso que eu vou mostrar neste post, quando eu dei um trato de beleza no meu frequencimetro mais novo.

Frequencimetro
Figura 01

Bom para situar um pouco: Comprei este equipamento no final de 2015, pouco tempo depois de voltar de viagem. Negociei pela internet e o vendedor fez um grande desconto, então fui busca-lo em Sorocaba (interior de SP). O equipamento estava bem conservado e parecia estar funcionando muito bem. Pois bem, chegando em casa ele ficou com todos os outros, esperando o dia em que eu terminaria de montar minha bancada. Enfim este ano (2016) finalmente montei a bancada, fiz a ligação eletrica do novo LAB (ainda estou trabalhando num nome bacana), e etc…

Uma coisa que eu acho fantastico na HP AGILENT Keysight é que eles vendem peças de reposição de maneira razoavelmente simples (não são todas, nem sempre tem estoque, e isso é mais valido quanto mais antigo for o equipamento tambem). Já no passado coloquei um post sobre uma compra que fiz na Agilent, este ano comprei novamente e a experiencia continua a mesma, muito tranquilo e seguro.

Para este frequencimetro (53132A), comprei um par de Bumpers (aquelas molduras plasticas que vão na frente e na traseira do equipamento), uma nova ‘janela’, aquela peça escura que fica na frente do display e contem a marca e modelo do equipamento e uma alça. Todas as peças mais o frete (dos EUA para cá) por aproximadamente R$ 240,00. As peças que comprei e o frequencimetro estão na figura abaixo:

Frequencimetro + peças
Figura 02: Frequencimetro + peças

Vou colocar algumas fotos do equipamento antes da limpeza, substituição da janela e instalação dos bumpers e alça:

Figura 03: Detalhes
Figura 03: Detalhes
Figura 04: Detalhes
Figura 04: Detalhes
Figura 04: Detalhes
Figura 04: Detalhes

A unica peça que complica a brincadeira é a ‘janela’, uma vez que para substitui-la precisamos retira-la por dentro. E para tirar a frente do equipamento, precisamos desmontar praticamente todo o equipamento. Para isso retirei o ‘rear bezel’, que é uma moldura plastica com dois parafusos no fundo do equipamento. Uma vez retirado é necessario retirar um parafuso solitario na parte inferior do equipamento que segura a ‘capa’ metalica que é o corpo do equipamento, e assim ela pode ser retirada por trás, escorregando para fora do chassis metalico. Na figura a seguir pode-se entender melhor como fica:

Figura 06: Parcialmente desmontado
Figura 06: Parcialmente desmontado

Até aqui é bastante facil e rapido, somente tres parafusos (todos do equipamento são fenda TORX tamanho T15 ou T10). Depois vem a parte um pouco mais chata, que é soltar a frente do equipamento, que é fixada por dois parafusos, um em cada lateral. Detalhe, é necessario retirar a porca dos conectores BNC frontais, pois eles são soldados na placa de circuito grande, que fica fixa ao chassi. Uma vez soltos os conectores e parafusos, podemos retirar a parte frontal, com cuidado, forçando o chassi para dentro e tentando soltar as duas peças metalicas do encaixe oblongo no plastico da parte frontal. Feito isso dos dois lados, temos que retirar a placa de circuito do display da carcaça da peça frontal.

Isso é feito forçando gentilmente entre a placa e o plastico com uma chave de fenda ou outra ‘alavanca’ proximo aos ‘dentes’ (ou tabs) plasticos colocados para manter a placa na posição. Uma vez que a placa esteja solta, podemos focar na peça frontal:

Figura 07: Parte frontal solta
Figura 07: Parte frontal solta
Figura 08: Detalhe da parte frontal
Figura 08: Detalhe da parte frontal

Quero fazer um parentese aqui, olhe o detalhe do interior da parte frontal:

Figura 08: Detalhe interno
Figura 09: Detalhe interno

O interior da peça é metalizado, não sei dizer ao certo o material, ou o processo usado para isso, mas a qualidade é muito boa, bem fixo e bastante uniforme.

Tambem nestas fotos já podemos ver que eu retirei os dois keypads, de borracha. Não deixei em evidencia na foto, mas talvez alguem consiga perceber os tabs que fixam a placa. Por falar em placa, tirei uma foto da placa tambem. Achei diferente o layout dos botões:

Figura 09: Detalhe da placa
Figura 10: Detalhe da placa

Gostaria de deixar explicito aqui meu gosto por estes displays de VFD (Vacuum Fluorescent Display). Acho muito bacana a construção, o brilho, sei lá, tudo.

Bom, voltando a janela, agora com o equipamento todo aberto, podemos retirar a janela frontal e substitui-la. Na foto a seguir é possivel verificar o detalhe de como retirar a janela (e tambem dois dos tabs que travam a placa, bem acima e a esquerda das travas escuras da janela):

Figura 10: Detalhes da janela
Figura 11: Detalhes da janela

Na parte superior (olhando o equipamento de frente) existem duas travas mais compridas na janela. Se forçarmos estas gentilmente a janela ira se mover para fora, e com isso podemos retira-la puxando para cima (para cima e para fora do equipamento) desencaixando assim algumas travinhas menores na parte inferior da janela. A seguir podemos instalar a nova janela, seguindo o inverso, primeiro encaixando as pequenas travas inferiores, e depois empurrando as duas travas maiores para dentro. Pronto, obtemos o seguinte:

Figura 12: Janela nova
Figura 12: Janela nova

Um detalhe importante, é que eu aproveitei que o equipamento estava todo desmontado para limpar com limpador multi-uso. Costumo lavar as peças plasticas tambem, mas nesse caso, como tem parte metalizada por dentro, e estava no periodo noturno (não dava para secar ao sol), eu não lavei (com agua e sabão).

Agora é só refazer os passos em ordem reversa, e montar tudo novamente.

Figura 13: Aparentemente tudo no lugar novamente
Figura 13: Aparentemente tudo no lugar novamente

Pronto, agora os passos mais faceis. Colocar os bumpers:

Figura 14: Bumpers instalados
Figura 14: Bumpers instalados

E a alça:

Figura 15: A alça tambem
Figura 15: A alça tambem

Agora sim, equipamento novo com mais cara de novo. Quase como saiu de fabrica… hehe

Figura 16: Pronto
Figura 16: Pronto

Agora já pode ir para seu lugarzinho na bancada. Ah, não podemos esquecer de ligar e ver se tudo está funcionando corretamente (sim, neste caso deu tudo certo, não estraguei nada), passar os Self-Tests…

O proximo post espero que saia este ano ainda. Brincadeira, quero ver se retomo de vez o blog agora que estou instalado no novo lab.

Até a proxima!

 

Deixe uma resposta