Controle remoto para Canon

Olá humano!

Bom, é facil imaginar que eu tenho uma camera para registrar as fotos que faço para usar aqui no blog. No inicio eu usava meu celular, mas com o tempo fui verificando a necessidade de usar um tripe, e conseguir algumas fotos com um pouco mais de qualidade e liberdade, e tambem precisei trocar de celular, e o novo tem uma camera muito inferior ao anterior. Com isso comprei uma camera DSLR, da Canon, modelo T3 (modelo de entrada, semi-profissional, da época).

Essa camera possui muitas funções (e como tudo na vida, ainda mais as opções mais baratas, não tem algumas opções interessantes como entrada de microfone externo), uma delas é a entrada para um controle remoto (permite acionar o foco automatico e disparar fotos). Eu poderia ter comprado um controle remoto pronto, ou fazer um. Como fica evidente, resolvi fazer um.

Material usado
Material usado

Essa camera (Rebel T3, ou em outros paises EOS 1100D) possui na lateral, alguns conectores, como podemos conferir na figura abaixo:

Figura 01: Conectores laterais
Figura 01: Conectores laterais

Na sequencia de cima para baixo temos: Controle remoto, conector USB e HDMI.

Pesquisando na internet e encontrei algumas informações, e a maior parte era coerente. Basicamente o que entendi é que este conector do controle remoto é um plug tipo P1 stereo, comum no ramo de audio. Um dos contatos é o comum (no caso a referencia, ou GND, ao que parece) e os outros dois são os contatos referentes aos comandos de foco e foto (estão na faixa dos 3v).

Então comprei duas chaves normal aberto, alguns metros de cabo stereo (cabo de audio), uma caixa plastica (da Patola) e um plug P1.

Figura 02: Material usado
Figura 02: Material usado

Minha ideia era muito simples, fixar as duas chaves na caixa plastica e soldar diretamente o cabo nas chaves e a outra extremidade no plug.

Para isso, precisei fazer três furos na caixa, como não tinha broca do diametro certo em casa (e era feriado), usei uma pequena lima redonda para aumentar um pouco o diametro dos furos das chaves. Algumas das ferramentas que usei:

Figura 03: Ferramentas usadas
Figura 03: Ferramentas usadas

Não coloquei na foto a serra que usei para retirar o suporte, para parafusos, nas laterais da caixa, nem os alicates, etc… mas isso tambem não é um tutorial passo-a-passo 🙂

Para que a chave pudesse ser instalada, precisei dobrar os terminais, pois conflitava com a dimensão da caixa.

Figura 04: Terminais da chave
Figura 04: Terminais da chave

Observação, dobrei as duas chaves! Ambas ficaram como a da esquerda da figura 04.

Depois disto, somente fixei as chaves na caixa, passei o cabo pelo furo e procedi com a solda. Usei a malha do cabo como comum, e cada um dos elementos do cabo para cada chave. Antes de soldar, fiz um pequeno nó no cabo, para aliviar qualquer possivel tensão no mesmo, ajudando a proteger a integridade das soldas, pois qualquer esforço mecanico tende a ficar no nó.

Figura 05: Solda das chaves
Figura 05: Solda das chaves

Posteriormente soldei o plug P1 na outra extremidade do cabo, e pronto. Terminei esta montagem simples.

Figura 06: Terminado
Figura 06: Terminado

Bastou então testar o controle que acabei de construir:

Figura 07: Teste
Figura 07: Teste

Uma linda foto minha, ao pressionar o botão de disparo de foto. De fato é bastante simples a construção de um deste, sem muita chance de erro.

Agora posso ficar ainda mais sedentario :), pois agora não preciso ficar levantando da cadeira a cada foto que vou fazer (o que facilita meu serviço, e posso fazer mais material para este blog).

Como sempre, mesmo quando deixo de escrever aqui, qualquer duvida ou sugestão, fiquem a vontade para me contactar.

Até a proxima.

Deixe uma resposta